Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Paulo Octávio é alvo de investigação do MP

Publicado

em

O acordo judicial que regularizou a situação do JK Shopping, em Taguatinga, é alvo de investigação do Ministério Público do Distrito Federal por possíveis irregularidades. O documento estaria com “vícios” que acabaram beneficiando a empresa do ex-vice-governador Paulo Octávio . As informações são do G1.

O MP tenta anular o acordo. Também foi instaurado um inquérito civil público para apurar se houve improbidade administrativa por parte de agentes públicos que fecharam o termo.

Foto: Divulgação

A construção do JK Shopping foi concluída em 2013. Desde então, tornou-se protagonista de problemas jurídicos por, segundo o MP, ter diversas irregularidades ambientais e urbanísticas. O pedido de interdição foi rejeitado pela Justiça, e o complexo comercial foi inaugurado no mesmo ano, sem a carta de habite-se.

A situação chegou ao fim em 2017, quando o Ministério Público e a empresa Paulo Octávio Investimentos Imobiliários chegaram a um acordo para que a companhia compensasse a comunidade pelos danos causados pelas obras. Saiu, então, a regularização do imóvel.

Ainda conforme a reportagem do G1, a regularização do empreendimento de Paulo Octávio previa a construção de uma escola no Sol Nascente e realização de benfeitorias no Parque do Cortado, em Taguatinga.

Segundo a promotora que coordena o caso, a negociação não foi regulamentada por lei e acabou ocorrendo com critérios subjetivos. Em seu entendimento, o acordo é totalmente benéfico ao empreendedor e teria violado direitos coletivos previstos em lei.

Prisão

No dia 02 de junho de 2014, o ex-vice-governador do Distrito Federal Paulo Octavio, foi preso, suspeito de participar de suposto esquema de corrupção de agentes públicos para a concessão de alvarás. A liberação dos documentos envolve, segundo as investigações, empreendimentos imobiliários no DF.

Vale lembrar também que áudios de investigação da Polícia Civil do DF apontava o tráfico de influência na liberação do Relatório de Impacto de Trânsito (RIT) do JK Shopping


Você pode gostar
Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

Publicidade