fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Aberta licitação para 3ª faixa da BR-020

A publicação é um aviso de licitação para contratação de empresa especializada para desenvolvimento de projeto executivo de implantação da terceira faixa

Avatar

Publicado

em

Foto: Denio Simões/Agência Brasília
PUBLICIDADE

Nesta terça-feira (26), foi publicado, no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), o aviso de licitação para a terceira faixa de rolamento da BR-020, que liga as cidades do norte do Distrito Federal ao Plano Piloto. A obra, quando concluída, vai melhorar o fluxo de cerca de 130 mil usuário do trecho. 

A obra é fruto do trabalho do líder do governo na Câmara, deputado distrital Claudio Abrantes (PDT), em alinhamento com o governador Ibaneis Rocha (MDB) e o presidente do DER, Fauzi Nacfur. “A construção dessa terceira faixa é esperada com grande expectativa por motoristas e passageiros que transitam na BR-020. Todas essas melhoras que têm ocorrido naquela rodovia, e já são muitas, são parte de um intenso trabalho que há tempos temos desenvolvido”, comentou Claudio Abrantes.

O DER foi o responsável pela publicação, que é um aviso de licitação para contratação de empresa especializada para desenvolvimento de projeto executivo de implantação da terceira faixa. O trecho de que fala o aviso vai do entroncamento com a rodovia DF-003 (Epia), desde o Balão do Colorado, passa por Sobradinho e termina na Avenida Independência, em Planaltina.

“Essa obra, ao lado do novo viaduto, vai desafogar o trânsito, levando qualidade de vida, com a significativa melhora na mobilidade de todos os usuários desse trecho da BR-020”, disse o presidente do DER, Fauzi Nacfur.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Viaduto de Sobradinho

A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou, na Sessão Extraordinária Remota do último dia 19, crédito especial à Lei Orçamentária Anual do Distrito Federal no valor de R$ 44,5 milhões para a execução do viaduto de Sobradinho, também na BR-020.

“Agradeço ao governador Ibaneis Rocha pela sensibilidade com a qual tem ouvido nossos pedidos, pois tratam-se de demandas históricas das cidades ao norte do DF”, destacou Claudio Abrantes. “Também faço menção aos meus pares na CLDF”, completou.

O novo viaduto deve ser construído no ponto que tem como referência dois atacarejos, um de cada lado da pista, e fará parte de uma modernização no sistema viário do DF que contempla, além de Sobradinho, outros pontos críticos no Recanto das Emas, Itapoã, Paranoá, Riacho Fundo I e Jardim Botânico.

“A aprovação do crédito para o novo viaduto é um marco, mas o trabalho continua. Não vamos parar. Cada uma dessas obras significa conforto, dignidade e até mesmo saúde para condutores e passageiros”, disse o líder do Governo na Câmara.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade