Menu
Brasília

Profissionais da educação infantil passam por formação

Palestras temáticas e oficinas práticas sobre o universo do brincar foram organizadas pelas 14 CREs, por meio das unidades de educação básica

Redação Jornal de Brasília

21/06/2024 16h38

Qualificação visa subsidiar as ações dos profissionais da educação infantil, ampliando conhecimento e repertório | Foto: Divulgação/ SEEDF

O segundo dia de Formação da Educação Infantil, previsto no calendário escolar 2024 da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEEDF), ocorreu na última quarta-feira (19), para os profissionais que trabalham com a modalidade e atendem aproximadamente 73 mil bebês e crianças na rede pública de ensino. Palestras temáticas e oficinas práticas sobre o universo do brincar foram organizadas pelas 14 coordenações regionais de ensino (CREs), por meio das unidades de educação básica.

Realizada três vezes por ano, a formação tem como propósito ampliar conhecimentos e criar repertório para os profissionais da educação infantil das unidades públicas e instituições educacionais parceiras acerca das especificidades inerentes a esta etapa da educação básica. Este ano, a formação já foi realizada em abril e, agora, em junho. A próxima está marcada para outubro.

A educação infantil é a primeira etapa da educação básica e tem como finalidade o desenvolvimento integral da criança de até 5 anos de idade em seus aspectos físico, afetivo, intelectual, linguístico e social, complementando a ação da família e da comunidade.

Desse modo, as atividades realizadas na formação visam subsidiar as ações dos profissionais que trabalham com a modalidade educacional, a fim de contribuir para que as crianças vivenciem seu direito à infância no cotidiano das escolas.

A diretora de educação infantil da SEEDF, Jaqueline Avelino, agradeceu o empenho e a participação das equipes na formação. “A equipe da diretoria de educação infantil pôde acompanhar as ações do segundo dia de formação nas 14 Coordenações Regionais de Ensino, e foi possível constatar a seriedade e riqueza das atividades proporcionadas aos profissionais da educação infantil.”

*Com informações da Agência Brasília

    Você também pode gostar

    Assine nossa newsletter e
    mantenha-se bem informado