Brasília

Homem que deu 30 facadas na ex tem prisão preventiva decretada

Acusado matou a ex-companheira na frente da mãe, em Taguatinga

Foto: Reprodução

O Tribunal de Justiça do DF decretou a prisão preventiva de Diego Nunes Freitas, 40 anos, acusado de feminicídio. Câmeras de segurança mostraram Diego dando mais de 20 facadas na ex-companheira, Rosileia Pereira Freiras, 36 anos, em uma rua da QND 52, em Taguatinga.

Na decisão, a juíza Maryanne Abreu ressaltou o fato de Rosileia ter sido morta na frente da própria mãe. “Tais circunstancias revelam a gravidade concreta da conduta, a periculosidade e frieza do autuado”, afirmou.

A prisão foi decretada na semana passada.

O crime

Diego aproveitou que Rosileia chegava em casa com a mãe, por volta de 17h30 do dia 13 de fevereiro, para abordar a vítima e dar cerca de 30 facadas nela.

Mesmo com a mulher já sem defesa, o acusado não parou com os golpes. Os ataques a Rosileia só pararam quando um dos vizinhos que escutava os gritos da vítima ameaçou Diego com uma barra de ferro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A 12ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Centro) registrou o caso.






Você pode gostar