Siga o Jornal de Brasília

Brasil

“Vão me matar e dizer que eu me suicidei, que estava mentindo e vida que segue”, desabafa Najila

“Estou com muitos problemas emocionais, pressões. Minha vida está do avesso. Não como, não durmo e todo mundo me exige entrevistas”, continua

Da Redação
redacao@grupojbr.com

Em entrevista ao site BuzzFeed News, Najila Trindade, 26 anos, que acusa o jogador Neymar Jr. de agressão e estupro, afirma ser vítima de perseguição na internet. A modelo relatou que teve o apartamento arrombado na noite de quarta-feira (05/06/2019) e desabafou: “Eu não tenho mais vida, meu apartamento foi arrombado, não consigo cuidar do meu filho”.

De acordo com a publicação, Najila enviou mensagens de texto à reportagem para falar sobre o episódio da invasão. “Acabei de ligar para a síndica e ninguém sabe, ninguém viu. Está todo mundo de complô contra mim porque eu sou tão mentirosa, tão caluniosa…”, ironizou. “Mas, se não tivesse alguma coisa [em sua denúncia], eles não estariam com essa preocupação toda”.

Demonstrando muito nervosismo, Najila disse se sentir perseguida desde que denunciou o jogador Neymar de estupro e agressão física.

Najila disse que sua vida virou um “inferno”. Ontem à noite, em entrevista ao SBT, a modelo afirmou que viajou para Paris a convite de Neymar com a intenção de fazer sexo com ele, mas que, no hotel, ele se tornou violento e transou com ela sem seu consentimento e sem camisinha.

“Estou com muitos problemas emocionais, pressões. Minha vida está do avesso. Não como, não durmo e todo mundo me exige entrevistas.”

“E sabe o que vai acontecer? Vão me matar e dizer que eu me suicidei, que estava mentindo e vida que segue. Mulheres continuarão a ser estupradas, violadas, violentadas e tratadas como lixos!!!!!”, escreveu Najila.

Com informações BuzzFeed News. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA