fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Suspeita de matar vizinha por vaga de emprego se entrega à polícia

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Angélica da Cruz, suspeita de matar a vizinha para ficar com a vaga de emprego dela, se entregou à Polícia Civil nesta terça-feira (16). A prisão temporária da mulher de 27 anos foi decretada na segunda (15). O crime ocorreu no sábado (14), em Santos, no litoral paulista.

Em depoimento, Angélica alegou legítima defesa e negou que quisesse a vaga de emprego de Érica Oliveira da Silva, de 24 anos. Ela confirmou que havia deixado currículo na empresa de Érica, mas alegou que não pretendia ficar com a vaga da vítima.

Segundo testemunhas, os pais e o irmão de Angélica estavam envolvidos no crime, mas a acusada nega. Duas irmãs de Érica ficaram feridas no ataque. Angélica foi encaminhada à Cadeia Pública Feminina anexa ao 2º Distrito Policial de São Vicente, também no litoral Paulista. Caso segue em investigação.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade