Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Recém-nascido encontrado dentro de caixa segue internado

Apesar de não ter previsão de alta, quadro dele é estável. Polícia ainda não tem o paradeiro da mãe

Publicado

em

Publicidade

Willian Matos
redacao@grupojbr.com

Encontrado dentro de uma caixa no último sábado (6/7), o recém-nascido continua internado na Maternidade de Alta Complexidade, em São Luís, no Maranhão. Moisés, como foi batizado, ainda não viu nenhum parente procurá-lo. A polícia tenta contato.

Apesar de não ter previsão de alta médica, o bebê tem recebido os cuidados necessários e o quadro dele é estável, de acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES). Para ser liberado, algum familiar da criança tem de aparecer no hospital, segundo a conselheira tutelar Hilsângela Damasceno. “Como não foram localizados os familiares dele ainda não tem como a criança sair daqui de imediato para uma instituição. Agora se tivesse os familiares provavelmente a criança já teria tido alta”, revelou Hilsângela.

O recém-nascido foi encontrado ainda com placenta e cordão umbilical, enrolado em um saco de lixo. Ele foi encontrado por policiais, que o levaram para a maternidade na qual está até hoje.

Até agora, não há indícios do paradeiro da mãe da criança. As investigações estão sendo feitas pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA).

Publicidade

Você pode gostar
Publicidade