fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

‘PT sairá fortalecido’, diz Lula sobre eleições municipais 2020

No município da Grande São Paulo, o ex-presidente apoia a candidatura à prefeitura do ex-ministro Luiz Marinho (PT), que aparece em segundo lugar nas pesquisas

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva compareceu para votação na manhã deste domingo, 15, em São Bernardo do Campo. O petista votou por volta das 8h na seção 070 da zona eleitoral 296, na escola João Firmino de Araújo. “Acredito que o PT sairá fortalecido após muita gente apostar no fim do PT”, disse depois de ter votado e posado para selfies com funcionários da seção.

Questionado pelo Estadão sobre o número de cidades em que projeta a vitória do PT, o ex-presidente desconversou. “Acho que vamos ganhar muitas cidades. Aqui em São Paulo, o PT tinha 68 cidades e caiu para oito em 2016. Acho que vamos recuperar muitas que tínhamos perdido e vamos ganhar em novas”, afirmou.

No município da Grande São Paulo, o ex-presidente apoia a candidatura à prefeitura do ex-ministro Luiz Marinho (PT), que aparece em segundo lugar nas pesquisas. O líder das intenções de voto em São Bernardo é o atual prefeito Orlando Morando (PSDB).

Benedita da Silva tem esperança de ir ao 2º turno

A candidata do PT à prefeitura do Rio, Benedita da Silva, votou cedo, antes das 9h, na escola municipal Santo Tomas de Aquino, no Leme, na zona sul. Benedita se mostrou esperançosa de alcançar o segundo turno e disputar o executivo municipal com Eduardo Paes (DEM), líder das pesquisas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Nós trabalhamos para isso. É uma emoção muito grande, depois de tantos anos, voltar candidata à prefeitura. Fizemos uma campanha muito bonita, alegre, sem baixarias, mostrando o que queremos para a cidade.”

‘Eleição municipal é superimportante’, diz Luciano Huck após votar no Rio

O apresentador de TV e empresário Luciano Huck afirmou na manhã deste domingo, 15, após votar, que “faltam séculos” para a eleição “majoritária” de 2022 e que as eleições municipais são “superimportantes”, porque as transformações necessárias passam pelas cidades. Huck, que ensaiou uma candidatura a presidente em 2018, mas acabou desistindo, tem mantido encontros com líderes de diversos partidos do espectro político nos últimos meses, mas evitou responder, neste domingo, se pretende se candidatar em 2022.

“As transformações de que a gente de fato precisa começam nas cidades. Esta eleição é superimportante, não sob o ponto de vista do rearranjo político, mas sob o ponto de vista das transformações necessárias que a gente precisa”, afirmou, em rápida entrevista, após votar numa escola municipal dentro de um condomínio na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

“Graças a Deus, nunca se discutiu tanta política no Brasil. Isso é bom. Temos que ter a capacidade de atrair as melhores cabeças, as melhores pessoas, mantendo o sarrafo da ética na altura certa, independentemente de suas ideologias”, afirmou Huck.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Para Huck, os “movimentos cívicos” são o melhor caminho para evitar a eleição de candidatos novatos que decepcionem o eleitorado. “Fomentando novas candidaturas, adubando, assim vão surgir novas lideranças. Boto fé”, disse o apresentador.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade