fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

PF mira grupo suspeito de tomar benefícios sociais de terceiros

Suspeitos usavam documentos falsos para sacar benefícios como o PIS, por exemplo

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

A Polícia Federal realiza, nesta segunda-feira (7), uma operação contra um grupo suspeito de falsificar documentos para sacar benefícios sociais de terceiros. São cumpridos 10 mandados de prisão e 12 de busca e apreensão em São Paulo-SP.

A operação, batizada de Cheaters, teve início quando um dos integrantes foi preso sacando benefício de forma irregular. O grupo mira benefícios como o Programa de Integração Social (Pis).

Estima-se que a quadrilha causou um prejuízo de mais de R$ 150 mil. Os suspeitos, se condenados, poderão responder pelos crimes de falsificação de documento público, associação criminosa e estelionato. As penas podem chegar a 10 anos de prisão.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade