fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Obra do enrocamento do sopé da Barreira do Cabo Branco é concluída

Foram colocadas pedras na base da falésia para impedir a erosão decorrente das ondas do mar

Avatar

Publicado

em

Foto: Secom-JP/Divulgação
PUBLICIDADE

Com o intuito de impedir a erosão natural decorrente das ondas do mar, foi realizado o enrocamento do sopé da Barreira do Cabo Branco, em João Pessoa-PB. A obra foi concluída na manhã desta segunda-feira (23) e custou mais de R$ 4,1 milhões. O valor foi custeado pela prefeitura da capital.

Foram colocadas pedras na base da falésia para impedir a erosão decorrente das ondas do mar. A barreira minimiza a erosão porque cria um espaço entre a base da barreira e as ondas.

Ao todo, a área da praia recebeu um volume de 16.914,22 metros cúbicos de pedras, tendo a extensão de mais de 1,8 mil metros de enrocamento.

O projeto recebeu a aprovação do Ministério da Integração Nacional e foi elaborado pela atual gestão para a proteção da Barreira do Cabo Branco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“A obra de proteção da barreira é muito importante do ponto de vista turístico e, principalmente, ambiental. Nossa gestão teve a capacidade de enfrentar mais um desafio histórico da cidade e realizou esta obra pioneira para proteger um de nossos principais pontos turísticos. Foram anos e anos de debates, mas nada era feito na prática para impedir a queda da barreira e agora nós podemos ver que ela está verdadeiramente protegida na sua base”, afirmou o prefeito Luciano Cartaxo.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade