fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Mundo estagnado por Coronavírus; Os destaques desta segunda (16)

Já são mais de 7.000 mortes no mundo e 234 casos no Brasil.

João Carlos Magalhães Teles

Publicado

em

PUBLICIDADE

O novo coronavírus parou o mundo e não se fala de outra coisa. No Brasil, as reações quanto a participação de Bolsonaro na manifestação do dia 15 são extremamente negativas. No mundo, obituário Italiano registrou dez páginas de vítimas do coronavírus, e os Estados Unidos começa a testar uma vacina em seres humanos.  

Os principais campeonatos regionais de futebol estão paralisados. Azul e Latam anunciam medidas por conta do coronavírus. 

Brasil registra 234 casos da doença, eram 200 no domingo. E o técnico do Flamengo, Jorge Jesus, testou positivo para o Covid-19. 

Os destaques do dia: 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
  • Coronavírus no DF 

O Metrô-DF decidiu adotar algumas medidas contra o novo coronavírus (Covid-19). Muitas delas são relacionadas a limpeza e higiene. A higienização dos trens conta com detergentes e desengraxantes homologados. Os funcionários também estão limpando estruturas metálicas, cadeiras, pega-mãos, bloqueios e bilheterias com álcool gel 70%.

O deputado distrital Rodrigo Delmasso, vice-presidente da Câmara Legislativa (CLDF), enviou ofício à Inframérica, administradora do Aeroporto Internacional de Brasília, solicitando o fechamento do terminal. O pedido foi enviado ontem(15).

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal divulgou boletim médico sobre a saúde da primeira paciente com coronavírus do Distrito Federal (DF). A paciente permanece em estado grave e está sedada, na UTI do Hospital Regional da Asa Norte (HRAN).

O presidente da Fecomércio-DF e representantes do setor produtivo entregaram documento para o governador do Distrito Federal, e para o secretário de Economia, André Clemente, afirmando que as recentes medidas restritivas adotadas pelo GDF impactam diretamente a economia local. O documento sugere ações para atenuar a crise. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Após afirmar, no início da tarde desta segunda-feira (16), que haviam cinco casos de transmissão comunitária de coronavírus no Distrito Federal, o Ministério da Saúde voltou atrás e afirmou que não há registro desse tipo de contágio na capital.

REUTERS/Adriano Machado

  • Coronavírus no Brasil 

O Ministério da Saúde divulgou que o Brasil conta hoje com 234 casos de coronavírus no Brasil. Além disso, são 2.064 casos suspeitos e 1.624 casos descartados.

Por causa da pandemia o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, que estava em missão oficial no Marrocos, decidiu antecipar o retorno ao Brasil.

Espírito Santo e Ceará declararam estado de emergência na saúde pública por conta da Covid-19. O governador do Rio de janeiro, Witzel deve declarar estado de emergência ainda hoje

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O PSOL prepara uma denúncia contra o presidente Jair Bolsonaro. A bancada do partido na Câmara dos Deputados entende que Bolsonaro colocou a população em risco ao incentivar manifestação contra o Congresso Nacional no último domingo (15).

A deputada federal e líder do PSOL na Câmara dos Deputados, Fernanda Melchionna, junto à bancada do partido, afirmou que denunciará o presidente Jair Bolsonaro à Organização Mundial da Saúde.

Uma afirmação do ministro da Saúde da França apoiado em estudo publicado nesta semana na revista científica Lancet acendeu um alerta sobre a possibilidade do uso de anti-inflamatórios como ibuprofeno piorar a infecção pelo coronavírus.

A Azul anunciou medidas para combater o Covid-19. Elas passam por reduzir capacidade para março e abril, a suspensão de voos internacionais, e de 11 bases. A Latam também anunciou que reduzirá suas operações em 70%. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Ministério da Justiça, por meio do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), suspendeu por 15 dias as visitas a presos que se encontram em unidades federais.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, liberou, em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), R$ 424 milhões para estados e municípios para ajudar nas ações de controle contra a pandemia de coronavírus.

Os campeonatos carioca, paulista e gaúcho foram alguns dos que suspenderam suas atividades por conta da pandemia.

O técnico do Flamengo, Jorge Jesus testou positivo para o novo coronavírus. A informação foi dada pelo clube rubro-negro na tarde desta segunda-feira (16). No primeiro teste realizado, o resultado foi “positivo fraco ou inconclusivo”. O português ainda fará uma contraprova.

Foto by Sergio LIMA / AFP

  • Coronavírus no Mundo 

Questionados sobre a participação do presidente Jair Bolsonaro em protesto ontem em Brasília, representante da Organização Mundial da Saúde (OMS) evitaram tecer comentários sobre o caso, mas reiteraram a importância de se evitar aglomerações.

Além disso a organização considerou o coronavírus a  “maior crise sanitária mundial da nossa época”.

O Paraguai fechou parcialmente suas fronteiras com o Brasil e a Argentina e suas autoridades anunciaram a restrição do movimento de pessoas entre as 20h00 e as 04h00.

Na Itália o número de mortos pelo Covid-19 já supera marca de 2.000. O mundo já ultrapassou os 7.000 mortos.

Em meio a crise, uma esperança. O primeiro teste em humanos para avaliar uma vacina contra o coronavírus teve início em Seattle, informaram as autoridades de saúde dos Estados Unidos. 

O jornal periódico, L’Eco di Bergamo, reservou dez páginas ao espaço destinado às vítimas do coronavírus, na edição do dia 13 de março.

O preço do petróleo caiu nessa segunda-feira ao nível mais baixo em quatro anos, arrastado pela queda vertiginosa na demanda mundial de bruto e a crise do coronavírus.

Foto by RYAD KRAMDI / AFP

  • Frota entrega pedido de impeachment contra Bolsonaro nesta terça

 

O deputado Alexandre Frota usou suas redes sociais nesta segunda-feira (16) para comunicar que, na terça (17), protocolará o pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro.

Para Frota, a peça é “irretocável” juridicamente mas que, de forma política, o processo dependerá “do maestro e dos líderes”.

Foto: Agência Congresso

  • Maia diz que orçamento impositivo agora é assunto secundário

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que a discussão sobre o Orçamento Impositivo e sobre quem fica com a gestão de R$ 30 bilhões de emendas parlamentares, Executivo ou Legislativo, neste momento é secundária.

Foto: Agência Brasil

  • Miguel Reale Júnior defende que junta médica avalie sanidade mental de Bolsonaro

Um dos autores do pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff, o jurista Miguel Reale Júnior defendeu que o Ministério Público peça que o presidente Jair Bolsonaro seja submetido a uma junta médica para saber se ele teria sanidade mental para o exercício do cargo.

  • Major Olímpio chama Dória de vagabundo durante briga

O senador Major Olímpio e o governador de São Paulo, João Dória, protagonizaram uma briga durante a visita do governador ao Departamento de Operações Policiais Estratégicas (DPOE).

Foto: Reproduçã

  • Globo determina afastamento de atores com mais de 50 anos de novelas

A Globo determinou que artistas com mais de 50 anos das novelas Salve-se quem puder, Amor de Mãe e Éramos Seis deverão, nesta semana, ficar de fora das gravações nos Estúdios Globo. A medida fará com que os autores da trama reescrevam os capítulos.

Regina Casé

Foto: Reprodução

  • Dólar fecha acima de R$ 5 e tem maior alta diária desde Joesley Day

O dólar fechou pela primeira vez um pregão acima de R$ 5,00, influenciado pelo novo dia de estresse no mercado financeiro mundial em meio ao avanço da pandemia do coronavírus, levando cada vez mais países a fecharem fronteiras.

No mercado à vista, o dólar fechou a R$ 5,0523, em alta de 4,90%, a maior variação porcentual desde a delação do empresário Joesley Batista, em 18 de maio de 2017. 

 




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade