fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Milicianos se uniram para invadir favelas no Rio de Janeiro

Fotos e mensagens encontradas por agentes da Polícia Civil em celulares de integrantes da milícia de Queimados revelam a participação dos policiais

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Paramilitares de várias partes do Rio de Janeiro se uniram para auxiliar a maior milícia do Estado a expandir os domínios. Fotos e mensagens encontradas por agentes da Polícia Civil em celulares de integrantes da milícia de Queimados revelam a participação dos policiais em várias disputas entre a quadrilha de Wellington da Silva Braga, o Ecko, e a maior facção do tráfico do Rio desde 2018.

O trato entre as milícias da Zona Oeste e da Baixada prevê auxílio mútuo: Ecko envia reforços para Queimados para que a milícia local aumente o controle sobre o território e, em troca, os paramilitares da Baixada precisam fornecer homens e fuzis em casos de invasões que interessam a Ecko.

Numa das fotos encontradas pela polícia, Victor Valladares Silva, apontado como um dos chefes da milícia de Queimados, aparece vestido com uma farda camuflada semelhante à usada pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope) e um fuzil com outros dois integrantes do grupo. Segundo a polícia, a foto foi tirada na favela de Antares — que era dominada pelo tráfico e foi tomada pelo bando de Ecko em meados de 2018. As informações são do jornal Extra.

Valladares foi identificado como um dos responsáveis pelo sequestro e pela execução de Márcio de Oliveira Caroba da Silva, o Larraia, chefe do tráfico do Morro Azul. Larraia foi capturado pelos paramilitares em 30 de junho, quando visitava parentes em Queimados. Antes de matá-lo, a milícia tentou negociar um resgate com uma irmã do traficante, que mora na Suíça.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Aliança com Ecko

A aliança com Ecko não foi bem recebida por todos os integrantes da milícia de Queimados. Jorgimar Bonifácio Machado, o Duim, outro chefe do grupo, não apoiava o acordo. Ele não concordava com o uso de fuzis da própria milícia de Queimados quando os paramilitares auxiliavam Ecko na tomada de territórios.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade