fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Dois casos da variante britânica do coronavírus são confirmados em São Paulo

Uma das pessoas infectadas tem 25 anos, mora em São Paulo e foi contaminada depois de ter contato com viajantes que estavam no país britânico

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Laboratório Estratégico do Instituto Adolfo Lutz, empresa que possui vínculo com a Secretaria de Estado de Saúde de SP, confirmou no último sábado (2) os dois primeiros casos de covid-19 causados pela variante do vírus. A primeira identificação da nova cepa aconteceu no Reino Unido, no final de 2020. As informações são da jornalista Mônica Bergamo

Uma mulher de 25 anos é uma das pessoas infectadas. Ela mora em São Paulo e que foi contaminada depois de ter contato com viajantes que estavam no país britânico. O outro caso é um homem de 34 anos, também da capital paulista, que teve contato com ela.

A investigação epidemiológica realizada ainda está em andamento. Deste modo, não é possível saber mais detalhes sobre o quadro clínico e sintomas desenvolvidos pelas pessoas infectadas.

Além disso, não existe comprovação científica se esta variante  possui maior potencial de transmissão em relação as que já foram identificadas, pois o comportamento de um vírus pode variar de acordo como fatores demográficos e climáticos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade