fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Deputado federal é acusado de desviar recursos da Saúde no Maranhão

Parlamentar enviava emendas a empresas de fachada; elas sacavam o dinheiro e devolviam ao deputado

Willian Matos

Publicado

em

Foto: Reprodução
PUBLICIDADE

A Polícia Federal realizou, nesta quarta-feira (9), uma operação para apurar supostos desvios de recursos voltados à Saúde no Maranhão. Um deputado federal do estado estaria envolvido nas fraudes.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski autorizou o cumprimento de 27 de mandados de busca e apreensão no estado, além do bloqueio de mais de R$ 6 milhões em patrimônio do deputado.

O deputado, cujo nome não foi revelado, teria desviado R$ 15 milhões de emendas parlamentares destinadas à área da saúde. O parlamentar destinou as emendas a municípios do interior do Maranhão. Ao receberem os recursos, os Fundos Municipais de Saúde fizeram contratos com empresas de fachadas que pertencem ao deputado.

Suspeita-se que essas falsas empresas tenham feito saques em espécies e devolvido ao deputado. Os crimes teriam ocorrido entre abril e dezembro deste ano, apura a PF.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A corporação tem áudio e vídeo da distribuição do dinheiro, que ocorria no escritório regional do deputado. O processo, no entanto, corre em sigilo.




Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade