Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Celular do ministro Paulo Guedes é hackeado

A assessoria pediu que sejam desconsideradas “todas e quaisquer mensagens vindas do número” do ministro e pessoas do gabinete

Publicado

em

REUTERS/Adriano Machado

Willian Matos
redacao@grupojbr.com

O ministro da Economia, Paulo Guedes, teve o celular hackeado na noite da última segunda-feira (22/7). O invasor criou uma conta no Telegram em nome de Guedes

Segundo a assessoria de imprensa do ministro, “todas as medidas cabíveis” contra o hacker serão tomadas nesta terça (23). O staff pediu, ainda, que “todas e quaisquer mensagens vindas do número” do ministro e de pessoas do gabinete dele sejam desconsideradas.

Joice Hasselmann

A deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) informou pelo Twitter, no último domingo, (21/7), que teve o celular clonado. Segundo ela, quem invadiu o sistema do aparelho mandou mensagem para o jornalista Lauro Jardim em seu nome.

Joice fez alusão ao que ocorreu com o ministro da Justiça, Sergio Moro. “A polícia já foi acionada”, afirmou a deputada.


Você pode gostar
Publicidade