fbpx
Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Brasil tem apenas alguns dias para selar acordo com Pfizer por vacina

Imunizante contra a covid-19 foi aprovado no Reino Unido nesta semana. Estudos mostram que a vacina é 95% eficaz

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

O Brasil tem “alguns dias, ou talvez uma semana” para fechar acordo com a farmacêutica inglesa Pfizer e comprar doses da vacina contra a covid-19 feita pela empresa. O imunizante foi aprovado no Reino Unido nesta semana. Estudos apontam que a eficácia é de 95%.

Quem alerta para o tempo curto é o diretor da área de vacinas da Pfizer Brasil, Alejandro Lizarraga. “O tempo é curto, de alguns dias, ou talvez uma semana”, disse, ao jornal O Globo.

“A disponibilidade [de vacinas que poderiam ser destinadas ao Brasil] aqui depende de quando será fechado acordo com governo federal, porque o número de doses para todos os países tem diminuído consideravelmente em vista do interesse que existe por parte de todos os países”, comentou Lizarraga.

No Reino Unido, a vacinação já deve começar na próxima semana. A vacina exige cuidado na distribuição, já que deve ser mantida a uma temperatura de -70ºC.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na terça (1), o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Medeiros, deu a entender que a vacina da Pfizer não está no perfil ideal para uso no Brasil. Medeiros afirmou que espera um imunizante que seja “termoestável por longos períodos, em temperaturas de 2°C a 8°C. “Por quê? Porque a nossa rede de frios, nessas 34.000 salas, é montada e estabelecida com uma rede de frios de aproximadamente 2°C e 8°C”, explicou.

Em nota, a Pfizer disse que pode transportar a vacina em uma “embalagem inovadora em caixas”, a -75ºC, em gelo seco, por 15 dias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Leia também


Publicidade
Publicidade
Publicidade