Siga o Jornal de Brasília

Inspiração

Suplementação de Beta Alanina

Publicado

em

Suplementação de Beta Alanina
Publicidade

A suplementação da Beta Alanina tem crescido nos últimos anos, principalmente em esportes que incluem exercícios de alta intensidade, com o objetivo de melhorar a performance do exercício e diminuir a fadiga muscular, além de aumentar massa magra e ter um menor tempo de recuperação entre os exercícios.

Porém as pesquisas apontam que esses benefícios não são exatamente causados pela β-alanina, e sim pela carnosina, que é um peptídeo formado por β-alanina e histidina (ambos aminoácidos), que funciona como um sistema tampão, inibindo os efeitos negativos da liberação de íons H+ (um dos fatores que causam fadiga) e, deste modo, contra a fadiga muscular que é induzida pelo aumento da acidez no músculo. Mas por que suplementar apenas a β-alanina? A histidina não precisa ser suplementada, pois já existe em grande concentração nos músculos. Por que então não suplementar diretamente a carnosina, já que é ela que tem o efeito tampão? Porque essa não é absorvida em sua forma íntegra, já que nós temos uma enzima no sistema digestório capaz de quebrar a carnosina em β-alanina e histidina, ou seja, não sabemos se depois de hidrolisada, esses dois aminoácidos irão se juntar novamente e formar a carnosina.

Um estudo foi feito por Painelli com 40 homens, ciclistas treinados e indivíduos não treinados, para observar o efeito da β-alanina. Esse estudo durou 4 semanas, um grupo recebeu a β-alanina e outro o placebo. O resultado observado foi que o TEMPO de exercício realizado aumentou após o período de suplementação com β-alanina em indivíduos não treinados e treinados em relação ao grupo placebo. Ou seja, ela é eficaz para exercícios de alta-intensidade, independentemente do estado de treinamento do indivíduo.
Portanto, o aumento da concentração intramuscular de β-alanina (através da suplementação) é a maneira mais eficiente de se aumentar a síntese de carnosina e consequentemente, a capacidade tamponante das células musculares.

Consulte sua NUTRICIONISTA para que você receba a correta prescrição da quantidade de suplemento que deve utilizar.

Publicidade

Você pode gostar
Publicidade