Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Hashtag Crítica: “O Último Duelo”

O filme se passa em meados do século 13, um período em que atitudes machistas e conservadoras infelizmente eram vistas como um tipo de proteção do homem perante a família.

O longa metragem dirigido por Ridley Scot traz uma paleta de cores frias que notamos logo nas primeiras cenas. O ambiente sombrio e escuro faz parte de toda a narrativa ao longo da história. Um típico modelo de batalhas medievais, vestimentas de época e homens lutando para definir o mais forte e mais viril. Detalhes presentes em quase todos os filmes do gênero.

O Último Duelo é um drama histórico de 2021, dirigido e produzido por Ridley Scott. É baseado no livro homônimo de Eric Jager, com roteiro de Nicole Holofcener, Ben Affleck e Matt Damon

O filme se passa em meados do século 13, um período em que atitudes machistas e conservadoras infelizmente eram vistas como um tipo de proteção do homem perante a família.

A história é contada por diferentes pontos de vista, Jacques Le Gris,  Jean de Carrouges e Marguerittes de Carrouges são os protagonistas da trama.

ASSITA AO TRAILER

Le Gris é tratado como o bajulador da corte e se tornou cobrador de impostos. Como de costume da época,  a cobrança era feita a qualquer custo, mesmo que necessário o uso da força e violência. 

A trama principal gira em torno de uma relação interpessoal entre amigos e a esposa de um deles, a batalha travada para entender a verdade por trás de um crime que assim como dito é contado sob o olhar de versões distintas.

CAPÍTULOS 1, 2 E 3

“O Último Duelo se divide em 3 capítulos. O primeiro é a verdade contada na visão de Jean Carrouge, o marido. A ideia de que o próprio amigo teria feito algo o perturba.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O segundo capítulo e a versão de Le Gris que conta os fatos de maneira mais parcial ao próprio favor, o que confunde a cabeça do espectador.

Temos a visão de Lady Marguerittes que é mais cruel e violenta. Gritos e súplicas para tentar interromper a violência sofrida demonstram o quão pior é a experiência quando contada pela vítima. 

Quando Marguerittes resolve lutar pelo direito de se preservar honrosamente,  ela demonstra que está bem à frente do seu tempo. Infelizmente a violência contra a mulher não é uma realidade exclusiva da sociedade contemporânea.

Ponta solta

Não se sabe quem é o pai da criança,  fica subentendido que seria Le Gris , porém a expressão de Marguerittes ao final mais me parece de alívio por enterrar uma mentira do que alegria por consumar a verdade dita por ela.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

FICHA TÉCNICA

Data de lançamento: 15 de outubro de 2021 (EUA)

DiretorRidley Scott

Adaptação deThe Last Duel: A True Story of Trial by Combat in Medieval France

RoteiroMatt DamonBen AffleckNicole Holofcener

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

ProduçãoRidley ScottMatt DamonBen AffleckNicole HolofcenerJennifer FoxKevin J. Walsh

Produtoras20th Century StudiosTSG EntertainmentScott Free ProductionsPearl Street Films

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE







Você pode gostar