Jornal de Brasília

Informação e Opinião

Blogs e Colunas

Canção de Chico Buarque inspira filme “O Pai da Rita” de Joel Zito de Araújo

Distribuído pela O2 Play, longa-metragem chega aos cinemas dia 19 de maio e traz no elenco Ailton Graça, Jéssica Barbosa, Wilson Rabelo, Paulo Betti, Léa Garcia, Nathalia Ernesto e Elisa Lucinda

Por Analice Nicolau 12/05/2022 12h00

Estreia no dia 19 de maio o longa-metragem de Joel Zito Araújo, “O Pai da Rita”. Veja o trailer aqui. Com pré-estreias marcadas para o dia 16 no Rio de Janeiro e em São Paulo no dia 17 de maio, o filme é inspirado na canção “A Rita” do cantor e compositor Chico Buarque. A comédia dramática narra a história de Roque e Pudim, músicos, boêmios, e compositores da tradicional escola de samba Vai-Vai que tem como cenário o bairro do Bexiga. Entre lembranças e conflitos, os grandes amigos entram em uma guerra gerada por uma dúvida sobre o passado: Quem é o pai da Rita? Roque, Pudim ou, quem sabe, Chico Buarque? No elenco estão Ailton Graça, Jéssica Barbosa, Wilson Rabelo, Paulo Betti, Léa Garcia, Nathalia Ernesto e Elisa Lucinda. (veja a sinopse abaixo).

Produzido pela Casa de Criação Cinema, coproduzido pela Globo Filmes e com distribuição da O2 Play, o longa-metragem é o primeiro filme de ficção de Joel Zito de Araújo após “Filhas do Vento”, de 2004, onde ganhou oito Kikitos no Festival de Gramado, incluindo o prêmio de Melhor Diretor, e o de Melhor Filme do Festival de Tiradentes.

Considerado um dos grandes cineastas e pensadores negros do País, Joel Zito Araújo transita com desenvoltura entre o cinema documentário e de ficção, colocando o negro em cena no Brasil e no mundo. O diretor já fez renomados filmes, como os documentários “A Negação do Brasil” (2001), vencedor do É Tudo Verdade, e “Meu Amigo Fela” (2019), que estreou no Festival Internacional de Roterdã (IFFR) e ganhou o Prêmio Especial do Júri na Competição Internacional no É Tudo Verdade, os prêmios de Melhor Filme da Diáspora Africana do FESPACO/Burkina Faso, e de Ja’Net Documentário no Pan African Film Festival-PAFF em Los Angeles, entre outros.

Com uma extensa obra que lhe deu 36 prêmios, atualmente Joel Zito segue a todo vapor, dirigindo a série-documental “PCC – O Poder Secreto” para a HBOMAX, e pretende entreter o público com esta mais nova comédia dramática, “O Pai da Rita”, em coprodução com a Globo Filmes.

Sinopse

Roque e Pudim, compositores da velha guarda da Vai-Vai, partilham uma kitnet, décadas de amizade, o amor por sua escola de samba e uma dúvida do passado: o que aconteceu com a passista Rita, paixão de ambos. O surgimento da Ritinha, filha da passista, ameaça desmoronar essa grande amizade.

Serviço

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O Pai da Rita” – direção de Joel Zito de Araújo

Pré-estreias

Rio de Janeiro dia 16 de maio, às 21h no Espaço Itaú Botafogo

São Paulo dia 17 de maio às 21h no Shopping Frei Caneca

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Estreia nacional dia 19 de maio








Você pode gostar