Siga o Jornal de Brasília

Blogs e Colunas

Amigo de Lula, eleito na Argentina vira alvo de Bolsonaro

Publicado

em

Publicidade

O presidente Jair Bolsonaro emitiu sinais diplomáticos de que não vai à posse de Alberto Fernández como presidente da Argentina. O candidato da esquerda, que tem a ex-presidente Cristina Kirchner como vice, venceu Maurício Macri e enterrou, por ora, a direita hermana.

O Itamaraty vai confirmar o representante da embaixada local. Fernández, aliás, é amigo do ex-presidente condenado Lula da Silva, e chegou a visitá-lo na sala-cela da Polícia Federal em Curitiba após a detenção. O que contribuiu para a ojeriza de Bolsonaro. 


Você pode gostar
Publicidade