Siga o Jornal de Brasília

Cidades

Preço do litro da gasolina dispara em alguns pontos do DF e chega a R$ 9,99

Avatar

Publicado

em

PUBLICIDADE

Eric Zambon
eric.zambon@grupojbr.com

A possibilidade de falta de abastecimento, devido à greve dos caminhoneiros que dura desde segunda-feira (21), fez com que o preço da gasolina disparasse em alguns estabelecimentos pelo DF, para regular a procura. No Posto da Torre, no Setor Hoteleiro Sul, à 0h35, o preço cobrado pelo litro era de R$ 5,09, como constatado pela reportagem do Jornal de Brasília. Já no posto da 403 Norte, alcançou R$ 9,89 (foto acima).

Registros compartilhados por redes sociais e enviados por colaboradores do Jornal de Brasília apontam que alguns postos teriam colocado o litro a até R$ 9,99. Vídeos e informações distribuídos por Whatsapp apontam inflação em postos de Águas Claras, da Asa Norte e de Planaltina. No centro de Taguatinga, um dos estabelecimentos colocou avisos sobre ter acabado o combustível para venda. Novas imagens continuam circulando nas redes, todas reiterando a inflação repentina no preço da gasolina.

Ao longo do dia, as manifestações, que culminaram no bloqueio de rodovias, produziram impactos diretos na economia e no cotidiano do brasiliense. O aeroporto de Brasília contingenciou sua reserva de querosene de aviação, por exemplo. Para esta quinta-feira (24), a circulação dos ônibus está ameaçada pela falta de combustível, bem como a distribuição de gás de cozinha.


*Colaborou Jorge Antunes e Roberto Wagner

 


Leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade